ADs

Lançamentos de Setembro da Rocco

Uma Esperança Mais Forte Que o Mar - Melissa Fleming
Diretora de Comunicações do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR), Melissa Fleming expôs a situação de Doaa Al Zamel pela primeira vez numa palestra do prestigiado ciclo de conferências TED. Agora, a história da jovem síria que sobreviveu ao naufrágio do barco pesqueiro em que tentava fugir do seu país devastado e chegar à Europa, salvando ainda a vida de uma criança confiada a ela pela mãe em seus últimos suspiros, chega às mãos dos leitores brasileiros. Uma esperança mais forte que o mar é o emocionante relato da trajetória de Doaa, hoje refugiada na ilha de Creta, e a luta pela sobrevivência de tantos emigrantes que arriscam suas vidas numa busca desesperada por paz e um futuro seguro.

Gostar de Ostras - Bernardo Ajzenberg
Um jornalista solteiro e entediado de trinta e poucos anos e um espalhafatoso casal de franceses octogenários são os protagonistas do novo romance do prestigiado escritor, tradutor e jornalista Bernardo Ajzenberg. Em Gostar de Ostras, Marcel e Rachelyne Durcan invadem o cotidiano monótono de Jorge, seu vizinho, de forma semelhante à trepadeira que cresce desordenadamente no jardim do prédio onde moram, compensando sua presença caótica com uma flor roxa de beleza intensa. Com sua prosa ao mesmo tempo firme e sensível, Ajzenberg envolve o leitor com a história dessa amizade improvável, que levará os Durcan a revisitar seu passado difícil, incluindo os motivos que fizeram com que deixassem seu país, e que mostrará a Jorge que a vida pode ser mais desafiante e colorida do que ele se acostumou a imaginar

Vulgo Grace - Margaret Atwood
Depois de O conto da aia, que deu origem à prestigiada série The handmaid’s tale e alcançou o status de bestseller mais de 30 anos após a publicação original, outro romance de Margaret Atwood vai ganhar as telas, desta vez pela Netflix, e volta às prateleiras com nova capa pela Rocco. Inspirado num caso real, Vulgo Grace conta a trajetória de Grace Marks, uma criada condenada à prisão perpétua por ter ajudado a assassinar o patrão e a governanta da casa onde trabalhava, na Toronto do século XIX. Com uma narrativa repleta de sutilezas que revelam um pouco da personalidade e do passado da personagem, estimulando o leitor a formar sua própria opinião sobre ela, Atwood guarda as respostas definitivas para o fim. Afinal, o que teria levado Grace Marks a cometer o crime? Ou será que ela estaria sendo vitima de uma injustiça?

Ler é Mais

Lorem ipsun