ADs

Casal Obama Fecha Acordo de 60m com a Penguin Random House


Barack e Michelle Obama assinaram um acordo literário com a Penguin Random House conforme anunciado pela casa editorial na última terça-feira.

Os termos financeiros do acordo comm os livros não foram divulgados. Várias editoras tinham competido pelas obras que segundo o Financial Times, atingiu mais de 60 milhõe sde dolares - uma soma recorde para memórias presidenciaris dos EUA.

Para se ter uma ideia, o colega democrata e ex-presidente Bill Clinton ganhou apenas 15 milhões pelos diretios de seu livro de memórias " My Life after he left office" quando saiu em 2004, enquanto o antecessor de Obama, o republicano George W. Bush, ganhou só 10 milhões pelo seu "Decision Points' de 2010.

O arranjo duplo realizado pela editora só saiu porque os livros dos Obamas são provavelmente os mais esperados sobre a memória de um ex-presidente e sua primeira dama. O plano do casal Obama é doar uma dose considerável de todos os rendimentos como autores para a caridade, icnluindo a Fundação Obama. 

Barack Obama é amplamente considerado um dos melhores prosistas entre os presidentes modernos, e seus livros "Dreams from My Father" e "The Audacity of Hope" são considerados essenciais para sua ascensão à Casa Branca.

Já Michelle Obama nunca revelou muita coisa de sua vida como primeira dama. Seu único livro, American Grown, é sobre comida e jardinagem, lançado em 2012.

Os títulos e datas de lançamento não foram divulgados ainda. Biografias dos presidentes americanos não são muito populares por aqui, mas esses são livros que eu gostaria de ler. Por enquanto nenhuma editora nacional se pronunciou.

Ler é Mais

Lorem ipsun