ADs

Lançamento HQ - Canudos - Editora Nemo

A história da guerra contra Canudos ganha versão em quadrinhos.

 

A história do povoado de Canudos e de sua destruição pelo exército brasileiro, em fins do século XIX, é recontada na inédita HQ A Luta contra Canudos, lançamento da Editora Nemo. Partindo de referências históricas e relatos da época, o roteiro de Daniel Esteves e os desenhos de Jozz e Akira Sanoki mostram, em páginas de quadrinhos dinâmicas e detalhadas, todo o drama e a intensidade de um dos episódios mais marcantes de nossa história.

A narrativa é dividida em capítulos e interlúdios, que revelam as diferentes perspectivas envolvidas e seus personagens. De um lado, Antônio Conselheiro e seus fieis seguidores, que ergueram no sertão baiano uma comunidade que acreditava que a República era o inimigo: a cobrança de impostos efetuada de forma violenta, a celebração do casamento civil e a separação entre Igreja e Estado seriam provas disso. De outro, o exército nacional e seus soldados, que acreditavam ou defendiam os avanços políticos que a República representaria.

O texto resgata as características regionais e sociais da fala popular, ao mesmo tempo em que os desenhos constroem o cenário, os figurinos e a simbologia que envolve os personagens. Um dos pontos interessantes é que a obra flerta com a linguagem jornalística, já que apresenta múltiplos pontos de vista sem, necessariamente, designar papeis de heróis e vilões.

A brutalidade dos embates e o sofrimento dos personagens envolvidos são retratados com pertinência. A Luta Contra Canudos é imperdível para quem quer conhecer mais detalhadamente as motivações dessa guerra, assim como um presente para os apreciadores das HQs, que vão ter em mãos um trabalho consistente sobre um dos períodos mais marcantes da história de nosso país.

Uma iniciativa maravilhosa da editora Nemo, promover a cultura, o ensino político e histórico do nosso país,através dos quadrinhos. Poucas pessoas sabem o que foi a Guerra de Canudos e sua contribuição para que o sertão baiano seja como é hoje.

Os traços são lindos e têm a característica dos quadrinhos brasileiros, o que me agrada muito. No geral é uma obra que não fica atrás dos quadrinhos europeus mais consagrados e que merece a atenção de todos os leitores de HQs ou ainda dos leitores comuns que, assim como eu, adoram ler quadrinhos de vez em quando apenas para admirar as obras de arte que acompanham o texto. E este está recheado de pequenas obras de arte...

Para ler uma pequena amostra clique aqui. Para comprar clique aqui.

Sobre o roteirista – Ganhador do Troféu HQ MIX 2006 de Roteirista Revelação, Daniel Esteves é roteirista, quadrinista independente, professor nos cursos de Roteiro, História em Quadrinhos, Mangá e diretor da Escola HQEMFOCO. Ministra aulas de Quadrinhos nas Escolas Técnicas Estaduais: José Rocha Mendes e Horácio Augusto da Silveira. Formado em Desenho de Comunicação (Técnico), além de diversos cursos de Roteiro e Quadrinhos, graduado em História/USP. Editor das publicações HQEMFOCO, e de conteúdo dos cursos e do site HQEMFOCO.

Sobre os desenhistas – Jorge Otávio Zugliani, o Jozz, nasceu em 1983, na cidade de Jaú, interior de São Paulo. Durante a infância esteve envolvido com música e teatro, mas foi o desenho que o motivou a se mudar para a capital paulista e fazer o curso de Design Gráfico na Universidade Mackenzie. Você pode conhecer um pouco mais do trabalho de Jozz no site: www.jozz.com.br.

Akira Sanoki nasceu em São Paulo em 1983. Apaixonado pela arte de contar histórias, vem trabalhando com ilustração, quadrinhos e animação desde que se formou em Artes Plásticas pela Unesp e estudou na Quanta. Produziu animações para comercias de TV, DVDs e curtas. Junto com amigos, ele criou a Revista Subversos.

Ler é Mais

Lorem ipsun