ADs

Man Booker Prize anuncia lista com seis finalistas

Autor britânico Howard Jacobson, vencedor de 2010 por ‘A questão Finkler’, concorrerá a seu segundo prêmio.


Publicado em O Globo

RIO — Foi anunciada nesta quarta-feira a lista de finalistas do Man Booker Prize, um dos principais prêmios literários do planeta. No primeiro ano em que concorrem autores de língua inglesa não britânicos, há dois americanos e um australiano entre os seis nomes divulgados.

Da terra da rainha estão indicados o inglês Howard Jacobson — vencedor de 2010 pelo livro “A questão Finkler” —, a escocesa Ali Smith, que já foi finalista em outras duas oportunidades, e Neel Mukherjee, autor britânico nascido na Índia. Completam a lista os americanos Joshua Ferris e Karen Joy Fowler, e o australiano Richard Flanagan. Os escritores receberão £ 2500 cada e uma edição especial de seus livros.

“Estamos encantados em anunciar nossa lista internacional de finalistas. Enquanto o Man Booker Prize expande suas fronteiras, estes seis livros excepcionais levam o leitor em jornadas ao redor do mundo, entre o Reino Unido, Nova York, Tailândia, Itália e Calcutá, no passado, no presente e no futuro”, declarou AC Grayling, presidente do júri, em comunicado divulgado no site da instituição. “Acreditamos que esta lista demonstra a maravilhosa profundidade e abrangência da ficção contemporânea em inglês.”

O Man Booker Prize, oferecido ao melhor romance em língua inglesa do ano, rende £50 mil para o vencedor. O prêmio já foi dado a nomes como J.M. Coetzee, Salman Rushdie, William Golding, V.S. Naipaul, Yann Martel e John Banville, entre outros.

O vencedor será anunciado em uma cerimônia no Guildhall, em Londres, no dia 14 de outubro.

VEJA SEIS LIVROS QUE CONCORREM AO PRÊMIO

– “To Rise Again at a Decent Hour”, de Joshua Ferris;

– “The Narrow Road to the Deep North”, de Richard Flanagan;

– “We Are All Completely Beside Ourselves”, de Karen Joy Fowler;

– “J”, de Howard Jacobson;

– “The Lives of Others”, de Neel Mukherjee;

– “How to be Both”, de Ali Smith.

Ler é Mais

Lorem ipsun